Com gol de Anselmo Ramon, CRB vence o Fortaleza e lidera o Grupo A

Seja bem vindo
Maceió,04/03/2024

  • A +
  • A -
Publicidade
Publicidade

Com gol de Anselmo Ramon, CRB vence o Fortaleza e lidera o Grupo A

Com 100% de aproveitamento, Galo soma 6 pontos; time fez seu único gol já nos acréscimos da 1ª etapa

Fonte: gazetaweb.com
Com gol de Anselmo Ramon, CRB vence o Fortaleza e lidera o Grupo A Anselmo Ramon fez o gol do CRB no 1° tempo
Publicidade

Em pleno domingo de carnaval (11), o CRB não teve brincadeira nem folia na avenida. A festa mesmo foi no estádio, quando o Galo entrou em campo e venceu o Fortaleza, por 1 a 0, pela 2ª rodada da Copa do Nordeste. A partida foi disputada no Rei Pelé, em Maceió.

O gol do CRB foi marcado pelo artilheiro Anselmo Ramon, nos acréscimos (50 minutos) do 1º tempo. Reveja como foi o jogo no YouTube da Gazeta!.

Com este resultado, o time alvirrubro é o 1º colocado do Grupo A, somando 6 pontos e com 100% de aproveitamento. E o Fortaleza ocupa a terceira posição do Grupo B, com 3 pontos, mesmos pontos do Náutico, mas perde no saldo de gols.

O próximo compromisso do CRB no Nordestão será no dia 15 (quinta-feira), contra o Treze, no Amigão, onde a bola vai rolar às 19 horas. E o Leão vai receber o River-PI, no Castelão (CE), um dia antes na quarta (14), às 19 horas.

CRB e Fortaleza duelaram no Rei Pelé pelo Nordestão - Foto: Ailton Cruz

1º Tempo

Nem mal começou o jogo e o CRB teve logo uma falta em seu favor, em cima de Anselmo Ramon. Aos 2 minutos, na cobrança rápida, Tinga afastou o perigo. O ritmo da partida era bem legal no início, com o CRB tendo mais velocidade, para tentar surpreender o adversário.

Aos 7 minutos, quem teve uma boa chance foi o Fortaleza, quando Pikachu recebeu na frente, mas errou o domínio e a oportunidade foi desperdiçada. Aos 12min, Jorginho, do CRB, caiu na área e pediu pênalti, mas a arbitragem não foi na dele e mandou o jogo seguir. Passando dos 15min, o que se via era que o Fortaleza tentava encaixar o contra-ataque, e o CRB mantinha a posse de bola.

Aos 20 minutos, em tentativa regatiana, Jorginho foi flagrado em impedimento e o árbitro marcou. No mesmo minuto, o Leão tentou o ataque com Lucero, mas ele chegou de carrinho, tentando completar, e não teve sucesso. O Fortaleza ainda não tinha conseguido se encontrar na partida. E o Galo seguia com a posse da bola.

O jogo foi paralisado, aos 23min, porque foi dado o tempo técnico. Aos 26 minutos, Zé Welison perdeu na lateral e Anselmo Ramon ficou com a bola. Ele arriscou finalizar e viu a bola passar pertinho do gol de João Ricardo. Por pouco o Galo não abriu o placar no Rei Pelé. Aos 30', Pacheco cruzou a bola na área, mas a defesa regatiana levou a melhor e tirou o perigo.

O tempo passava dos 35 minutos no Rei Pelé. O Leão pressionava o Galo, mas tinha dificuldades de passar pela zaga adversária. O duelo era truncado, começou a ficar mais faltoso, nesse momento, e o time regatiano ficou mais disperso em campo, dando chances à equipe visitante.

Aos 38', em tentativa do Galo, Anselmo Ramon finalizou com perigo, mas viu Zé Welison salvar o Fortaleza de levar o primeiro gol. O CRB tinha o seu melhor momento na partida e, em outra grande oportunidade, Jorginho levantou a bola na área, cobrando uma falta, e Fábio Alemão cabeceou a bola para fora, aos 40 minutos.

Chegando aos 45 minutos, o árbitro sinalizou 5' de acréscimos ao 1º tempo. E, aos 50 minutos, ainda deu tempo de o CRB fazer o seu gol. E foi dele: Anselmo Ramon. De perna esquerda e no canto esquerdo do goleiro, ele guardou no fundo da rede: 1 a 0. Após isso, a etapa inicial chegou ao seu fim.

Anselmo Ramon fez o gol do Galo nos acréscimos da 1ª etapa - Foto: Ailton Cruz

2º Tempo

A primeira boa chance foi do Fortaleza, que começou indo para cima do CRB. Aos 9 minutos, Kervin, que tinha entrado na volta do time do Leão do intervalo, assustou, quando arriscou o chute de muito longe, obrigando o goleiro Matheus Albino a fazer uma defesa milagrosa. Aos 10', de novo o Leão: Pikachu bateu de chapa na bola para boa defesa de Matheus Albino.

O jogo estava mais aberto, com o Fortaleza saindo mais para o ataque, enquanto o Galo tentava surpreender o adversário nos contra-ataques. Isso com a partida passando dos 15 minutos. Os técnicos das duas equipes passaram a fazer mais mudanças em suas equipes e o duelo chegava aos 20 minutos. Detalhe: o alagoano Marinho em campo, defendendo o Leão.

Aos 26 minutos, após cruzamento de Gegê, Anselmo Ramon pegou na bola, mas mandou para fora. Em resposta do Leão, aos 27 minutos, Thiago Galhardo finalizou, mas o goleiro Matheus Albino fez a defesa, sem maior perigo. A essa altura, o jogo era muito faltoso, com muitos cartões amarelos distribuídos para os dois lados.

Aos 32 minutos, o Fortaleza teve uma falta em seu favor. Mas na cobrança quem se saiu melhor foi a defesa regatiana, que afastou a pelota sem maiores dificuldades. Mais mudanças foram feitas nas equipes, por seus respectivos treinadores. O jogo era nervoso nesse momento e passava dos 35 minutos.

Aos 38', de fora da área, Gegê, do Galo, arriscou o chute, buscando o canto direito do goleiro João Ricardo, mas a bola foi para fora, apesar de ter passado bem perto. O CRB insistia e, aos 41 minutos, Gegê tentou, ao lançar a bola na área, mas ela apenas se perdeu pela linha de fundo. A essa altura, os jogadores regatianos já estavam visivelmente cansados em campo.

E, com os seis minutos de acréscimos, o árbitro determinou o final da partida, aos 51 minutos, com a vitória regatiana sacramentada, fazendo a festa da torcida no Trapichão: 1 a 0.

Mais de CRB 1 a 0 Fortaleza - Foto: Ailton Cruz

Ficha Técnica

CRB - Matheus Albino; Hereda, Fábio Alemão, Saimon e Willian Formiga (Heron); Falcão, Rômulo (João Pedro) e Jorginho (Gegê); Mike (Vitinho), Léo Pereira e Anselmo Ramon (Welder). Técnico: Daniel Paulista.

Publicidade



COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha